Pular para o conteúdo

Eu Já Estive Em “The Tweety Girls”, no Teatro Paiol”

Fomos convidados para conferir a peça “The Tweety Girls – Elas chegaram ao sucesso!”, em cartaz no Teatro Paiol Cultural, em São Paulo. Normalmente não lemos muito a respeito antes para tirarmos as nossas impressões e, foi divertidíssimo!

A peça tem mais de 1h30 de duração e conta a história de três garotas nada convencionais, Diana, Lurdinha e Gigi, que querem montar um grupo musical e fazer muito sucesso no final dos anos 60 em São Paulo.  Lola Bastos, dona de um café na Rua Augusta, o cantor galã Tony Ross e sua biruta e vingativa ex-namorada Mary Anne Di Valmont  complementam o elenco.

O texto é irreverente e cheio de humor, marca registrada dos Cafonas & Bokomokos. Marcos Garbelini, que também e diretor da peça, se inspirou numa ideia inicial do diretor Guilherme Vidal, falecido ano passado. “Não é uma peça cabeça, porém tem muitos questionamentos como o preconceito contra a liberdade da mulher tanto, no trabalho como no comportamento sexual e aborda também temas como homossexualidade, abandono infantil e o arrependimento.”, diz Garbelini.

Você vai cantar músicas de outras gerações, com certeza, e vale muito prestar atenção nas imagens gravadas que passam durante o espetáculo porque são engraçadíssimas.

O ator Dimi Calazans, que divide a direção com Marcos, diz que é um momento especial: “A peça traz de volta o estilo ‘cafonas de ser’, após uma passagem bem sucedida pelo universo Shakesperiano. E estar no palco com meus amigos de anos de trabalho, homenageando o nosso mestre Guilherme Vidal é um primor, uma mistura de arte com diversão que é  nosso mote na Cia.”

 O espetáculo fica em cartaz até o dia 27 de maio, sempre aos sábados às 21h, no Teatro Paiol Cultural. Os ingressos custam R$ 40,00 (inteira) e podem ser adquiridos na bilheteria do teatro ou pelo site www.compreingressos.com

Se chegar cedo, a pizza em pedaço que é vendida do lado do teatro é muito boa, inclusive encontramos com parte da produção jantando por lá antes do espetáculo.

E, não deixe de reparar nas 152 tatuagens de escorpião de um dos atores. Eu tive que perguntar quantas eram porque não consegui deixar de prestar atenção.

Agradecimento à assessoria de imprensa pelo convite.

1 Comentário »

  1. Pontos altos do espetáculo: “Todo” mas vou dizer algumas coisas que mexeram muito comigo. Amei a excelente dublagem do show do Bolinha, ri e chorei, meu maninho estava lá, junto no palco. Dublagem em duplas fantásticas, história magnífica, a espanhola com trocas de adereços amei muito, a música dela demaissssssss…, o Renato tentando entrar no grupo, magnific! Adorei muito! Nem pisquei! Mas hoje vermos algo de época e de excelente bom gosto deixando a mensagem lindaaaaaaa que todos somos iguais, uma luta muito atual, com a cena do piloto e sua amada, ameiiiii. Tenho certeza do excelente trabalho de todos, parabéns mesmo, mais uma vez. Foi tudo de bom….. Permaneçam sempre em nossas vidas. Elizia Vidal

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: