Pular para o conteúdo

Portugal tem programação especial como convidado de honra da BILSP 2022

No ano marcado pelo bicentenário da independência do Brasil, Portugal é o convidado de honra da 26ª edição da Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que se realizará entre os dias 2 e 10 de julho, no Expo Center Norte, em São Paulo.

O convite reflete uma relação singular e densa entre os dois países, com destaque para as áreas da cultura, economia e ciência. E, sobretudo, o estado atual das relações entre as respetivas comunidades, que cada vez mais cruzam o Atlântico de Portugal para o Brasil e do Brasil para Portugal.

A participação portuguesa no evento tem como objetivo promover os autores portugueses, apoiar a cooperação entre editoras portuguesas e brasileiras, além de reforçar o conhecimento da cultura literária portuguesa no Brasil.

Portugal escolheu como mote para a sua participação a frase “É Urgente Viver Encantado”, de Valter Hugo Mãe, um dos escritores portugueses mais conhecidos no Brasil e autor de obras premiadas. A comitiva contará com a presença de 21 autores portugueses, incluindo escritores de Países Africanos de Língua Portuguesa e de Timor-Leste. A eles juntam-se dois renomados chefs, Vitor Sobral e André Magalhães.

“Se inspirar na frase de Valter Hugo Mãe: É Urgente Viver Encantado reforça o poder da literatura na vida das pessoas e mostra que ela é uma fonte inesgotável para sermos livres e criarmos outras possibilidades de enxergar a realidade. A literatura possibilita usarmos a imaginação como ferramenta para combater e entender o que não está funcionando bem nesse mundo. Por meio dela é possível desfazermos amarras e vivermos essa liberdade de criar mundos encantados”, comenta Isabel Lucas, curadora do espaço português.

O Pavilhão de Portugal, onde será desenvolvida uma programação especial, conta com uma área de 500m2, que inclui um auditório, espaço de encontro por onde passarão os autores portugueses e brasileiros, uma livraria, espaço multiusos com exposições e a réplica de um bondinho português, além de uma área destinada a programação infantojuvenil.  

Organizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), a BILSP oferece uma programação multicultural que mescla literatura, gastronomia, cultura e negócios. Grandes nomes portugueses marcam presença nos espaços oficiais de programação do evento, como no Salão de Ideias, Arena Cultural, BiblioSesc, Cozinhando com Palavras e o Espaço Infantil.

Além de estarem presentes na programação que, diariamente, ocorrerá no pavilhão de Portugal, foram convidados a participar da programação destes espaços autores consagrados como Valter Hugo Mãe, Paulina Chiziane, primeira escritora africana a receber o Prêmio Camões, Matilde Campilho, grande sensação da Festa Literária Internacional de Paraty, Flip 2015, Gonçalo M. Tavares e José Luís Peixoto, vencedores do Prêmio Literário José Saramago, o historiador Rui Tavares, Kalaf Epalanga, Maria Inês Almeida, Afonso Cruz e escritores de uma nova geração como Joana Bértholo, além dos badalados chefs Vitor Sobral, proprietário da conhecida Tasca da Esquina, e André Magalhães, um dos grandes investigadores da gastronomia portuguesa.

A AICEP, em parceria com a ABIGRAF (Associação Brasileira da Indústria Gráfica) e a APIGRAF (Associação Portuguesa das Indústrias Gráficas e Transformadoras do Papel), organiza a iniciativa “Portugal Inova”, que por meio de conversas e apresentações interativas, tem como objetivo disponibilizar ao mercado brasileiro informação sobre a oferta portuguesa do setor, destacando a sua componente de inovação. Além do diagnóstico das indústrias gráficas dos dois países e o seu posicionamento competitivo no contexto internacional, o evento pretende debater o panorama atual da indústria gráfica que passa por constantes e importantes mudanças, incorporando uma transformação digital que visa garantir a sustentabilidade do setor.

Antes da abertura da Feira será realizada uma rodada de negócios, na qual estarão presentes 9 editoras portuguesas que participarão também de iniciativas promovidas no pavilhão de Portugal na BILSP.

A participação de Portugal como país convidado na BILSP foi coordenada pelo grupo interministerial que integra o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões I.P.), a Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) e o Turismo de Portugal (TdP) e pela Embaixada de Portugal em Brasília e o Consulado-Geral de Portugal em São Paulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: