Pular para o conteúdo

Eu Já Estive Em “O Samurai e o Guerreiro Interior”, de Ivan Maia

Um guia prático para lidar com todos os tipos de pessoa! Essa é a chamada para o livro “O Samurai e o Guerreiro Interior”, de Ivan Maia, publicado pela editora Luz da Serra. Começando pelo aspecto do livro, sua diagramação e editoração são impecáveis. Ilustrado, foi pensado para que os leitores tenham uma leitura leve e fluída. 

Já no prefácio, Ivan Maia conta um pouco da sua trajetória e apresenta o propósito do livro, pedindo para que você “jamais aceite ser menos do que aquilo que você consegue e do que nasceu para ser”. Na sequencia, há um pequeno mapa para ajudar o leitor a navegar pela obra e aí já estamos imersos no livro.

Em “Os alicerces do trato com as pessoas” o autor passa pelos verbos mais importantes do mundo, as grandes habilidades que as pessoas têm, os três nunca do trato com as pessoas, as cinco atitudes que as pessoas esperam de você, as leis da transformação e a lei das palavras. É uma verdadeira aula de como construir um bom relacionamento com o próximo ensinando, principalmente, a perguntar e a calar para aprender, cada ação em seu devido momento, mas ambas engrandecedoras para a mente e para a alma de quem as pratica.

Outro ponto importante do livro, ao meu ver, está quando o autor explica que nossas palavras criam nossos pensamentos, que afetam nossos sentimentos, que definem nosso comportamento, que determinam nossos resultados. Isso mostra o quanto o que falamos pode determinar o nosso dia, o nosso mês, a nossa vida. Se começamos o dia com palavras negativas isso provavelmente pode permear o seu dia e mudar o rumo daquilo que você tinha se programado para fazer, por exemplo. Outro ponto muito importante é: tudo o que você fala se torna realidade em sua vida, inclusive doenças e saúde. É tão importante pensar atenção nisso que Ivan Maia apresenta uma lista de palavras que usamos sem pensar (problemas, dificuldades, não posso) e que podem ser substituídas (questões, desafios, nunca tentei até hoje).

Mais uma dica essencial principalmente para os dias de hoje onde a todo momento estamos começando conversas, principalmente online, inicie de uma forma positiva, falando sobre um assunto positivo e nunca perca a chance de elogiar algo ou alguém, mas calma que o elogio só é valido se for sincero, né? E vale lembrar que seu tom de voz é o piloto que dirige as outras pessoas, nunca pela razão, sempre pelo coração.

Também não podemos deixar de falar do sorriso, que como o autor lembra, é uma arma potente. Mas ele precisa nascer no coração, passar pelos olhos e morrer nos lábios. Principalmente neste momento em que vivemos onde nos resta rir com os olhos, já que a boca está coberta pela máscara. Afinal, você não sorri por ter motivos, você sorri para ter motivos.

Vamos então conhecer alguns trechos do livro:

  • Quando você muda, o mundo muda. Quando você muda, tudo muda. Mas o mundo não muda com gente muda.
  • Agende! Lembre-se que tudo o que não tem data agendada, acaba não acontecendo.
  • Quem quer arranja um jeito, quem não quer arranja uma desculpa – provérbio árabe.
  • A fina arte de lidar com as pessoas é uma construção tão importante que requer alicerces específicos, fortes e profundos.
  • Perguntar – as perguntas abrem as portas do cérebro para receber novos conhecimentos, evitam que percam um tempo precioso e libertam seu cérebro para criar e pensar mais rápido.
  • Calar – quem domina uma conversa é sempre aquele que mais ouve.
  • Aprenda antes a reconhecer as situações nas quais você deve ficar em silêncio, pois o silêncio é algo que jamais será mal interpretado.
  • Sempre que receber instruções / informações de outras pessoas confirme: deixe-me ver se entendi direito, vou repetir o que você me disse, e você me confirma se está tudo certo.
  • Pessoas brilhantes falam sobre ideias; pessoas comuns falam sobre coisas; pessoas imbecis falam sobre outras pessoas.
  • Nenhum ser humano é inútil, em último caso ele serve de mau exemplo.
  • As vezes é melhor ficar em silêncio e deixar que pensem que você é um imbecil, do que abrir a boca e acabar de vez com as dúvidas – Abraham Lincoln.
  • Na vida você sobre encontra aquilo que estiver procurando.
  • A única maneira de vencer um conflito improdutivo (bate-boca) é fugir dele.
  • Se queres que impere a paz no mundo deves ter paz em teu lar. E para que a paz reine em teu lar, deves vive-la em teu coração.
  • Quando as pessoas participam da decisão, elas sentem que estão fazendo algo que elas mesmo decidiram e, portanto, se dedicam de forma mais positiva.
  • Pessoas fortes cometem tantos erros quanto as fracas; a única diferença é que as fortes admitem, riem deles e aprendem com eles. E é assim que elas se tornam ainda mais fortes.
  • Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente você estará fazendo o impossível.

“O Samurai e o Guerreiro Interior“, de Ivan Maia, tem 215 páginas e está à venda na Amazon. A obra é editada pela editora Luz da Serra, a qual agradecemos pela parceria.

Janaína Leme

@eujaestiveem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: