Pular para o conteúdo

E-book dá voz às minorias sociais em tempos de pandemia

A pandemia de Covid-19 afetou toda a humanidade de forma nunca vista no último século. Cada indivíduo, em sua esfera de atuação precisou rever muitas de suas práticas, crenças e planos. Porém, grupos mais bem representados nas esferas de poder, a saber brancos, em sua maioria homens sofreram as consequências de forma muito diferentes daqueles com menor visibilidade social.

Para dar voz a esses grupos e discutir como o mundo digital, o grande ambiente de relacionamento do nosso século, foi capaz de amenizar as consequências e criar novas conexões para facilitar a vida, o programa de cursos De Olho na Rede elaborou o e-book “As minorias e o mundo digital pós-covid 19”.

A publicação traz relatos e estudos sobre as condições dos idosos, mulheres, mulheres negras, pessoas com deficiência, periféricos, além de outros temas como educação e gordofobia. São 130 páginas com 16 artigos de estudiosos, jornalistas e membros dos grupos representados.

O lançamento será online e poderá ser acompanhado via Facebook (perfil @deolhonaredecurso). O livro tem navegação acessível para deficientes visuais e está disponível gratuitamente para download a partir da página  deolhonaredecurso.com.br/e-book.

Ficha Técnica

As minorias e o mundo digital pós-Covid-19

ISBN 978-65-00-17244-7

Organização: Naia Veneranda Gomes da Silveira e Ivone Ananias dos Santos Rocha

130 páginas, E-book, 2021

Download gratuito em: deolhonaredecurso.com.br/e-book

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: