Pular para o conteúdo

Editora de Cultura lança Sansão Agonista, de John Milton

Composta em versos trágicos à moda clássica, a peça dramática de Milton acompanha as últimas 24 horas do herói bíblico Sansão, já cego após ter sido traído por Dalila e capturado pelos filisteus. É ao dar voz e profundidade psicológica a esse personagem, conhecido apenas muito superficialmente na narrativa do livro de Juízes da Bíblia, que o poema de Milton se destaca. 

Oferecendo uma visão humanizada do herói, atravessado pelos arrependimentos e pelas tensões entre suas vontades pessoais e seus deveres impostos por sua nação e seu deus, Sansão Agonista é muito mais do que uma mera dramatização de um episódio bíblico. É uma história sobre prisão e liberdade, sexualidade e sacrifício, penitência e redenção. É a última e mais marcante demonstração de vitalidade poética de um autor já no final de sua vida, cego – tal qual o protagonista da peça – e debilitado pela experiência do cárcere e da perseguição política. 

O poema foi publicado pela primeira vez poucos anos antes da morte do autor, junto com o seu Paraíso Reconquistado, a continuação do Paraíso Perdido, que tematiza a preparação de Cristo para o seu sacrifício. Juntas, as três obras formam uma unidade coerente que representa o pensamento poético, teológico e político do poeta, cuja influência posterior sobre os românticos ajudou a formar boa parte do gosto literário moderno. A persistência desses temas até hoje garante a atualidade da sua obra.

Ainda que menos famosa do que a épica de Milton, o drama Sansão Agonista é de uma beleza impactante. Segundo o crítico George Steiner, “o teatro inglês jamais produziu qualquer coisa com a qual ela possa ser comparada”. A mescla entre a forma grega, seguida à risca, e o conteúdo bíblico faz dela uma obra única.

A tradução do poema, realizada pelo poeta e tradutor Adriano Scandolara – de Paraíso Reconquistado, de John Milton, Prometeu Desacorrentado e outros poemas, de Shelley, entre outras –, conta ainda com ricos comentários e notas explicativas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: