Pular para o conteúdo

Tombos: um livro sobre as rasteiras que a vida dá

Uma queda de bicicleta após a maior crise emocional da vida de Helena. É assim que começa Tombos, novo romance da escritora carioca Eunice Maciel. A personagem se une a outros três protagonistas para narrar, cada um em primeira pessoa, as surpresas que a vida tem guardadas e que mudam completamente o futuro de cada um.

Além das histórias em si, a estrutura literária surpreende o leitor. Por exemplo, os capítulos de Douglas, o segundo protagonista apresentado por Eunice, se misturam entre os de Helena. É com estas mesclas das narrativas que o leitor compreende como a história de todos os personagens se conectam.  

As diferentes formas de lidar com as crises pessoais chamam a atenção. Helena já não era mais feliz com o casamento e só tomou uma atitude quando foi levada ao limite e descobriu que o marido nutria uma relação extraconjugal de muitos anos com outro homem: “A vida me deu uma rasteira e eu caí de bunda no chão, de perna aberta e de calcinha de fora”. 

Já Douglas é proativo e conduz com rédeas curtas o rumo da própria história: é um fazendeiro rico que nasceu na favela: “Despenquei do céu na terra… um tombo ponta cabeça, como o Macunaima nas telas… Nasci com pressa, querendo chegar logo”. Outra personagem é Juliana, uma jovem recém-separada alcoólatra sem forças para enfrentar os problemas: “A vida me deu uma rasteira e eu fui caindo, caindo…” O último protagonista apresentado, Tancredo, apenas vê a vida passar, apático. “A vida me deu uma rasteira… Vida? Que vida?” 

Tive vontade de dizer:
– Levante, Paulo! Mas sou tão babaca que ainda senti pena dele. O joelho ferrado era o meu, a dor avassaladora era minha, e eu sentindo dó dele. 
 
Depois de imobilizada a perna, deu para continuar a viagem, mesmo sabendo que meu casamento tinha se espatifado, assim como eu, em uma curva de uma estrada francesa. Segui com o corpo e a alma anestesiados até perceber a gravidade da situação e tudo começar a doer de verdade. 
(Tombos, p. 13 e 14) 

Tombos não garante finais felizes. Tudo depende da forma que cada personagem vai encarar os desafios que a vida lhes deu. Além do lançamento, Eunice é autora de outras cinco obras destinadas ao jovem leitor, entre elas “Seis meses passam rápido” e “O mistério da ilha grande”, publicadas em 2020 e 2019.  

FICHA TÉCNICA: 
Título: Tombos 
Autora: Eunice Maciel 
ISBN: 978-65-87639-45-1 
Páginas: 276 páginas 
Formato: 14 x 21 cm 
Preço: R$ 47,00  
Links de venda: Amazon

Sobre a autora: Eunice é Economista, formada pela UFRJ em 1984. Mediadora de conflitos, dedica-se na carreira como escritora desde 2009, quando lançou “Perigo na ilha”. “Tombos” é o seu sexto livro, o primeiro direcionado ao público adulto. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: