Pular para o conteúdo

Eu Já Estive Em “Academia de Magia Laetus”, de Pedro Augusto C. R. Garcia

Adentrar em uma instituição só para mulheres, justamente porque só as mulheres nascem com capacidades mágicas. Esse é o cenário que Petrus encontra em “Academia de Magia Laetus”, escrito por Pedro Augusto C. R. Garcia.

Petrus e seus irmãos chegam à Academia e junto com eles, especialmente Petrus, uma série de situações a serem resolvidas. Sua tia é diretora da escola que o recebe, mesmo sendo um local focado em ensinar meninas, já que são elas quem têm o dom para usar a magia. Único menino entre tantas meninas, Petrus já ganha o coração de Lucena rapidamente e gera ciúmes entre as amigas da escolhida. Mas há muitas outras situações que surgem na Academia depois que Petrus passou a viver por lá.

Pelo formato da escrita do autor, você vai conhecendo os personagens melhores ao longo da trama. Em alguns momentos as meninas mostram uma visão meio retrógrada da vida, como quando Lucena, a aluna por quem Petrus desengata um relacionamento rapidamente na trama, decide fazer um jantar romântico e argumenta que era dever de uma mulher cozinhar satisfatoriamente (se eu vivesse por lá, estaria perdida, mal frito um ovo). Durante a leitura da obra, é possível observar que Pedro descreve com muitos detalhes as roupas das meninas, muito mais do que o próprio cenário.

Sem nenhuma comparação, Academia de Magia Laetus, é uma ótima dica para quem sente falta de escolas, magia, as salas de aulas, situações vistas também na famosa saga Harry Potter. Abaixo algumas frases retiradas do livro e sua sinopse e mais detalhes sobre o autor.

– Admirado, pensou no quão bom era ainda existir inocência no mundo; por sorte poderia desfrutar bastante a beleza de tal virtude.

– Apenas lembrei que, quando se ajuda alguém, o maior beneficiado é você próprio.

– Estar sempre em segurança significa não viver.

Sinopse: em um mundo permeado pela Mana, energia vital presente na natureza, mas apenas manipulável por mulheres, pois a elas são reservadas as instituições especializadas no ensino da magia; resta aos homens apenas as academias militares. No entanto, apesar de a ideia de um homem invadir o ambiente dominantemente feminino ser rechaçada, o jovem Petrus é aceito como novo aluno da Academia de Magia Laetus. Com o tempo, todos perceberiam que essa estranha excepcionalidade nada seria, frente a imensa tempestade que conturbaria suas pacatas vidas, recordando-se de que nunca deveriam ter olvidado que seu ingresso indicava o retorno do rei demônio. Entretanto, suas intenções demonstravam-se em desalinho com seu título. Seria um indicativo de uma mudança de paradigma? Por que essa mudança ocorreu?

Pedro Augusto C. R. Garcia: apesar de tão jovem, Pedro Augusto se deparou com os imensos e sombrios portões da morte em diversos momentos. Nasceu na cidade de Sumaré, São Paulo, em 1991. Aos 4 anos se viu afligido por um gravíssimo quadro de saúde que interrompeu sua infância hiperativa e foi obrigado a lutar pela vida com todas as forças. Apesar de conseguir vencer a gélida foice, que o rondou por míseras dezesseis vezes, não foi possível evitar a desagradável aquisição de penosas sequelas, as quais o coagiram a pugnar por seus movimentos eternamente. Chegada a juventude, sua mente, em polvorosa atividade, ansiava pela sana dos males da inercia, o levando a traduzir em palavras seus sentimentos sufocados, criando inestimável apreço pela escrita.

“Academia de Magia Laetus”, de Pedro Augusto C. R. Garcia, ganhou formato digital e está disponível na Amazon. Assinantes do Kindle Unlimited tem acesso a obra gratuitamente.

Janaína Leme

@eujaestiveem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: