Pular para o conteúdo

Tocalivros Social traz autobiografia inédita sobre escravidão na América Latina

Para entender melhor a história da América Latina, a escravidão e os seus efeitos para a sociedade, no mês da Consciência Negra, a Tocalivros Social junto com a Linha da Cultura do Metrô de São Paulo, traz gratuitamente o audiolivro A Autobiografia do Poeta-Escravo, de Juan Francisco Manzano.

O poeta Afro-Cubano aprendeu a ler e a escrever por conta própria, em um ambiente em que os escravizados que buscavam a alfabetização eram punidos e até assassinados. Este foi o único registro de um ex-escravizado latino-americano em uma autobiografia em cativeiro e o único registro de sua experiência dessas condições. Um dos poucos relatos dessa longa e terrível história de escravidão das Américas, já que os escravagistas não tinham interesse de registrar seus horrores e, os escravizados, as condições necessárias para fazê-lo.

Publicada no Brasil pela primeira vez e transformada em audiolivros pela Tocalivros, na narração de Eduardo Silva – o eterno Bongo do Castelo Ra Tim Bum –  essa impactante autobiografia está disponível gratuitamente como o livro do mês de novembro para que todos possam da voz a narrativa negra.

Para acessar, basta clicar no link: https://clubedigital.tocalivros.com/poetaescravo com o voucher POETAESCRAVO, baixe gratuitamente o audiolivro.

A Autobiografia do Poeta-EscravoAutor: Juan Francisco Manzano
Narração: Eduardo Silva
Duração: 5h10m18s 
Produção: Tocalivros Studios
Editora: Editora Hedra
Disponívelhttps://clubedigital.tocalivros.com/poetaescravo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: